Dicas para melhorar sua concentração nos estudos

0 comentários

Presta atenção, se concentra...

Uma das maiores dificuldades na vida de quem está fazendo faculdade, um curso, ou buscando conhecer algo novo na sua rotina de estudos é apenas uma coisa: concentração.

Depois de decidir, focar e finalmente sentar para estudar, se manter concentrado é o último requisito para que a gente possa realmente extrair um aprendizado do nosso estudo. Infelizmente é nesse momento que tudo parece ficar mais interessante.  

Aquele mosquitinho zunindo, a notificação que chega, a cortina manchada, o carro do ovo que passa lá fora e em poucos minutos já estamos sendo levados para outra dimensão. Enfim, são várias coisas que nos tiram o foco quando mais precisamos nos concentrar, e bem na verdade toda essa falta de atenção nem sempre é culpa nossa, pode estar ligada a falta de vitaminas essenciais que nosso organismo precisa absorver para se concentrar melhor. Sim, o segredo pode estar nas vitaminas.



Calma, aproveita o processo

Outro fator que atrapalha muito nessa hora é a ansiedade. Como se sabe, os processos que requerem conhecimentos novos não estão somente no ambiente acadêmico, muitas vezes precisamos aprender coisas novas para trabalhar melhor ou até mesmo colocar um projeto em execução, e quando começamos a estudar ficamos sujeitos a uma obsessão inconsciente com o resultado é um turbilhão de outros pensamentos desordenados que nos deixam ansiosos e às vezes até mesmo sofrendo antecipadamente com falsas possibilidades de fracasso. Por isso, aproveitar o processo do que estamos aprendendo e lembrar sempre o porquê começamos e onde queremos chegar, nos dá ajuda a ver beleza em cada etapa e realizar o  que precisamos com mais equilíbrio e constância.

E uma vez que estamos focados de verdade e tranquilos com o processo, acabamos com a força desse ciclo horroroso de falta de foco - ansiedade - procrastinação.



Cientificamente explicado

Segundo uma recente pesquisa da BBC, um estudo aponta que estamos nos tornando seres multifuncionais, o que não implica em nos tornarmos menos inteligentes, mas sim, em ficarmos menos tempo com a mente persistindo em uma só coisa. O apresentador de um programa de ciência Greg Foot alerta também que ‘’o nosso córtex pré-frontal gosta de novidades e nosso cérebro sempre está à procura do novo’’. Dessa forma, viver nessa era de excesso de informações atende os desejos de estar sendo surpreendido a todo momento, e o problema disso é que cria um ciclo que pode ser extremamente prejudicial quando perdemos o controle e o viver desfocado vira quase que natural.


Para que tá dando gatilho

O melhor jeito de começar a jornada para melhorar o foco nos estudos é eliminar os gatilhos. A dica que a gente dá é começar pela alimentação, uma dieta composta com sementes e oleaginosas como castanhas, amêndoas, amendoim, avelã, peixes de águas profundas, ovos, abacates e bananas pois esses alimentos possuem em sua composição tirosina, magnésio e L-triptofano que ajudam a produzir por exemplo a serotonina, que é um neurotransmissor responsável por diminuir a ansiedade. Unir uma dieta balanceada com a Dn1 desenvolve uma melhora extremamente significativa no foco, por conta de suas propriedades vitamínicas. 


Nossas sugestões então para eliminar gatilhos são:

Crie um ambiente limpo e confortável, um cantinho dos estudos;

Desligue o celular ou deixe ele em outro cômodo da casa;

Se alimente bem;

Desenvolva hábitos paralelos como a prática de alguma atividade física; 

Antes de começar, respire fundo e se concentre.



Deixe um comentário

Todos os comentários do blog são verificados antes da publicação

Olá!

Gostamos de manter você bem informado, por isto cadastre aqui seu email para continuar a acessar nosso blog.


Ao assinar, você concorda com a nossa política de privacidade.

[time], [location].
Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência em nosso site. Ao clicar em aceitar, você concorda com a nossa Política de Privacidade
Inscrição realizada com sucesso!
Este e-mail já foi registrado.
Newsletter